Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

...adaptar.

Ler. Sentir. Cuidar.

...adaptar.

Ler. Sentir. Cuidar.

Conhece-te! || Tipo de pele

Para podermos saber o que nos falta ou o que nos fica bem, em primeiríssimo lugar temos de nos conhecer. Tanto a nível físico como a nível mental.

Só vamos escolher a melhor dieta quando soubermos como o nosso corpo funciona.

Só vamos saber como pudemos ser melhores pessoas quando soubermos o que temos de bom e menos bom.

Só vamos estar mais elegantes quando soubermos a nossa fisionomia.

 

Depois de termos essa avaliação feita de forma correcta é que vamos ser capazes de nos adaptar às várias frentes que nos rodeiam. 

 

Com estas permissas a rúbrica "Conhece-te!" pretende auxiliar cada um na avalição de si próprio.

 

E começamos por questões de ordem física funcional....

Como é que a minha pele se comporta?

 

A forma mais simples e rápida de conhecermos a nossa pele é lavá-la com sabão neutro e água tépida, enxaguar delicadamente com uma toalha e deixá-la reagir durante 15 minutos sem aplicação de mais nenhum produto.

 

Aí a pele irá responder da forma mais natural e representativa da sua tipologia...

 

- Ou vai ficar seca, ou olesa ou então nenhum dos extremos se destaca em relação ao outro e é uma pele mista/normal. Podemos complicar mais um pouco e dizer que ainda existem peles mistas/normais com mais tendência a serem secas ou serem oleosas.

 

- E ainda a pele pode ser (ou não) sensível e intolerante ou reactiva se apresentar vermelhidão, se tiver sensação de repuxamento com ou sem sensação de calor ou se reagir mais do que o devido a agentes externos. Este tipo de pele por definição está mais relacionada com peles secas e aí é uma pele atópica, mas se a sensibilidade e reactividade estiver associada a uma pele oleosa onde também se verificam borbulhas, temos uma pele acneica.

Estas duas últimas (atópica e acneica)  devem ser referenciadas para uma consulta especializada de dermatologia porque carecem de uma avaliação e tratamento mais específico e orientado.

 

- Um outro aspecto muito importante é percebermos o clima em que nos inserimos. Muitas vezes podemos ter a pele seca mas por vivermos num clima húmido onde a pele tende a ficar com aspecto oleoso ao longo do dia, pensamos que temos pele oleosa. Isto é notório quando vamos viajar para um clima diferente e sentimos que a pele está diferente. Na verdade a pele na sua essência é sempre a mesma, o clima é que altera a sua resposta.

 

Assim.. quando mais tarde referir alguns cuidados específicos a cada tipo de pele já é mais fácil de identificar e perceber o que melhor se adapta a cada um@.

 

Dá para adaptar?!