Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

...adaptar.

Ler. Sentir. Cuidar.

...adaptar.

Ler. Sentir. Cuidar.

Experiências com Unhas

JPEG image-4B5530C53911-1.jpeg

 

 

E no outro dia tive a minha primeira experiência com unhas... Daquelas que envolvem brocas e maquinaria.

 

Não sei bem porquê nem porque não decidi testar esta técnica do acrílico que tanta gente fala.

Pois bem! Lá fui eu toda "prezada" dizer pela primeira vez a alguém que queria fazer unhas de acrílico. Não queria nada muito grande e queria uma cor sólida. Queria simples e preto!

 

Confesso que aquela broca a limar a minha unha fez-me um pouco de confusão... Mas pensei:

"É um teste, Cláudia! Para a frente é que é caminho."

Gostei! E cada dia gosto mais! 

A parte mais maravilhosa de todas é que a cor não sai nem com nada. Posso lavar panelas em água a ferver, posso usar qualquer detergente... e elas continuam maravilhosas.

 

E isto é assim tão bom porque estava farta de pintar as unhas e acordar com elas marcadas da roupa ou tomar um simples banho e arrancar metade de verniz. Não estava a compensar os produtos e o tempo dispensado para ter as unhas pintadas 3 horas. Vá, se corresse bem talvez 8.

 

Também por isso penso que é importante a escolha da cor.... Porque ela vai ficar ali algum tempo. Não dá para mudar de semana a semana... Ou talvez dá, mas sai mais caro.

 

A parte menos boa é a chamada manutenção que me obriga (aqui está a palavra que não gosto) a retocar de 4 em 4 semanas. 

 

Para já... So far so good!

 

Gosto de me adaptar.